Patrocinador


Te desenhando

lentamente
com um dedo
traço em sua pele e
desenho palavras
em letras de seda;
uma leve pressão
dizem que é paixão

torturar meus sentidos
uma dor de concurso
e deixar que o rótulo, marque a
Lembrança do abraço,
e denúncie o delicioso
mal apagado e
longo beiijo

2 comentários:



Carlos Teixeira Luis disse...

Belo, belo Blogue...
Vou te lendo com calma e estou a gostar muito.
E há muito que ler, não gosto de só dar uma vista de olhos, às vezes basta, aqui não...

Abraço fraterno

Adriana Karnal disse...

gostei do poema e do blog,viu? volto sempre.

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget