Patrocinador


O escritor

Repousa em sua cadeira, no fundo dum quarto,
Ele força a sua caneta para falar em meu nome.
Examina os olhos de pérolas cintilantes, escondidas nas sombras da minha imagem.
Todos os detalhes não valer-lhes sentidos diante de toda minha imperfeição.
Sua mão desliza algumas linhas deliciosamente poéticas 
e logo deixa aparecer no canto da sua boca um esboço 
de sinais evidentes e pitorescos
de felicidade. Um sorriso.Vjarski

Ilusões



Não me venha com seus pacotes de ilusões
Porque eu vivo e preciso da realidade
é ela que alimenta meus desejos
Não me venha com suas miragens
Porque vivo e preciso tocar o que é real
para satisfazer minha fome.Vjarski

Como apaixonar-se por si mesma:


Amar a si mesma
Buscar sua luz interior 
Compartilhar carinho e conhecimento
Desapegar das coisas fúteis( o amor e o prazer é + interessante)
Entregar-se ao que é verdadeiro
Fortalecer a sua felicidade todos os dias
Gozar a vida todos os dias(em duplo sentido, é claro!)
Hesitar jamais ao desconhecido
Importar-se mais com o que e quem te completa
Jogar com quem joga com vc(nem que vc perca, jogue-se)
Livrar-se de maus hábitos(se tem filhos faça isso por eles)
Maravilhe-se ao se olhar no espelho afirmando o quanto é linda
Nunca pensar coisas negativas a e em seu próprio respeito.
Organize seu mundo interior
Peque se valer a pena
Rejeite o que é desprezível e deprimente
Seduza-se todos o dias(seja bela pra si mesma e ñ p/ os tolos)
Toque-se(seu próprio coração)ame-se!
Viva a vida todos os dias(ñ como se fosse o ultimo + como o 1º)
Zen sempre zen.

Escrito por eu mesma:Val
Vjarski

Melancolia ll

Visão totalmente obscura
os pensamentos cheios de censura
num murmúrio intenso e melancólico
do meu coração inofensivo
pronto para mergulhar em um recife.
A nostalgia só aumenta progressivamente
a imagem onírica cheia de rasuras
num sonho, cheio de tortura.
Penso em preto e logo vejo em branco.
Na amargura não é como eu me sinto!
Se estou triste prefiro não dizer ...
A dor me parece triste!
Batendo na minha morte o negrume
Grande confusão chamado ciclone
A música lírica está completamente nostálgica.
O tempo virou completamente uma porcaria.
Estou vivendo num humor sádico.Vjarski

(Amo doçura das poesias fingidas)

Presa


presa
Na gaiola dos meus sentimentos.
Embora esteja encravado entre as barras de esperança.

A princípio
a prisão era confortável
acolhedora e cheia de promessas
reconfortante de doçura.

Então, as promessas foram traídas
impelido pelo conforto
a doçura foi esquecida
Mas o coração se apegou.

Infelizmente, as barras têm-se multiplicado
O amor foi virado de cabeça para baixo
As ilusões apagadas
E o coração ferido.

Mas permaneceu mais ou menos em mim
Pelas lágrimas que fluem
O simples pensamento de ser
Para que eu vivi.

Vjarski

Noite

O dia me congela 
a noite me aqueço. 
Acendo os meus olhos, 
e me visto de vento. Vjarski

Dor

Meu coração se parte em mil cacos de lágrimas
Torture-me e minha dor com sua lâmina bárbara
E veja a fúria cresce dentro de mim
E eu entendo que a regra da vida não é mais uma sinopse
Meu corpo já sofreu muito, eu não me sinto mais
Meu espirito padece à um sentimento que nunca conheci
E por isso coloquei as máscaras das surpresas e das falsas alegrias, para sentir a sensação rudimentar do amor.Vjarski

Baixa estima

Um dia vou sair 
do buraco que você me fez cair.
Mas,por enquanto, continuo no abismo 
da minha escuridão 
mergulhando meu coração. Vjarski

Ocorreu um erro neste gadget